CGVP realiza sua 2ª reunião ordinária do ano

21/12/2020 - 16:47

Comissão Gestora da bacia hidrográfica do rio Verde Pequeno (CGVP) realizou no dia 08 de dezembro, das 09:00 às 12:00 horas, sua 2ª Reunião Ordinária do ano de 2020. O encontro ocorreu por videoconferência para atender às medidas de prevenção ao contágio do novo coronavírus (Covid-19).

  

Confira abaixo os assuntos discutidos em pauta:

A coordenadora da CGVP, Tatiany Cerqueira Novais Sant’ana, iniciou a reunião agradecendo a participação de todos e, tendo sido constatado o quórum, submeteu a apreciação das atas das sefuintes reuniões ordinárias: 3ª de 2019 (realizada em 31.10.2019), 4ª de 2019 (realizada em 12.12.2019) e da 1ª de 2020 (realizada em 29.09.2020). Todas as atas foram aprovadas.

A título de informação, foi apresentado o calendário do Processo Eleitoral para renovação dos membros do CBH Verde Grande que ocorrerá no primeiro semestre de 2021, conforme consta no Ofício 081/2020. Foi apresentado também do Planejamento Anual de Atividades do CBH Verde Grande para o exercício de 2021, conforme Deliberação CBHVG 82/2020.

Logo após, a CGVP apreciou a substituição de membros faltosos por representantes atuantes na bacia, os quais foram indicados pelos próprios membros da CGVP. Essa demanda já havia sido solicitada há muito tempo pelos membros em razão de o quórum estar sendo prejudicado.

Tatiany Sant’ana explicou para os membros que a CODEVASF apresentaria um ponto de pauta sobre os modelos de sustentabilidade das atividades de Operação, Manutenção e Monitoramento das barragens de Estreito e Cova da Mandioca, todavia em razão de demandas internas surgidas em caráter de urgência não foi preciso o comparecimento na reunião. Os representantes da instituição comprometeram-se a apresentar o tema na próxima reunião.

Na sequência, Rita Barreto, Analista Ambiental do Centro Nacional de Pesquisa e Conservação da
Biodiversidade Aquática Continental – CEPTA, fez explanação sobre o “Risco extremo de extinção dos peixes da família dos Rivulídeos, de grande ocorrência na sub-bacia do rio Verde Pequeno e como a instalação de novos empreendimentos na região poderá impactar na sobrevivência dessa família de peixes (ICMBio)”.

Ao final da reunião, os membros da CGVP aprovaram os encaminhamentos gerados na 1ª reunião ordinária de 2020, realizada em 29 de setembro, uma vez que naquela reunião o quórum não foi atingido.

Para saber mais, acesse os documentos abaixo: